Pétalas noturnas

 100  21

(com Talo Pereyra e Mauro Moraes)
Intérpretes: Chico Sarat no CD VIII Moenda da Canção / 1994; César Passarinho no CD Milongueando essas lembranças tuas / 1996

As moças desta fazenda
não se amorenam na praia,
mas quando o dia desvenda
as frestas das samambaias
Joana se expõe entre rendas,
Cecília em véus de cambraia
– se o sol aos corpos se emenda
noite tem mimo e gandaia;

os moços deste roçado
se amorenam sem notar,
porém de sábado em sábado,
se há tempo pra namorar,
deslizam mãos oportunas
roçando em peles morenas,
quase pétalas noturnas
– petúnias, não açucenas;

as moças de outras fazendas
não querem se amorenar,
mas quando escutam as lendas
de amores que ardem no mar,
por mais que o campo se estenda
na areia é que vão deitar
– se houver amor que as acenda,
inteiras vão se queimar.